Metamorfose gastronômica

Miniconto da vida ordinária: A metamorfose gastronômica de um brasileiro – Zé do Povo era mortadela, brigou com o presidente, virou coxinha. Acreditou no B17 , endureceu suas ideias e tornou-se um croquete. Em uma semana de governo, já tinha virado um pamonha nas redes sociais. Agora, depois de tantos escândalos se transformou em um escondidinho. Viva a culinária brasileira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *